MULHERES COM ROSTO TAMPADO POR VÉUS RODEIAM O CEMITÉRIO DA SAUDADE E CAUSAM PÂNICO NOS MORADORES

por auraandrade13

Corpo desaparecido no bairro antes do velório é motivo de peregrinação

Na tarde de 1o de abril, quatro mulheres com trajes de luto iniciaram uma peregrinação no bairro da Saudade à procura de notícias do corpo desaparecido de Zenóbio de Andrade Reis Boaventura. O corpo desapareceu nos arredores do cemitério da Saudade em 5 de março quando era transportado no carro da funerária Descanso Eterno. As mulheres, que não quiseram dar entrevista, estavam vestidas com rendas negras e roxas e com os rostos tampados, o que causou pânico nos moradores do bairro. “Isso é macumba, só poder ser!”, afirma G.A, de 17 anos. bairro. S.G, 20, que reside no bairro desde que nasceu acrescenta: “Já vi uma moça de branco e usando véu  andando no entorno do cemitério do Bonfim. Também não entendi. E pra mim deve ser um ritual ligado ao espiritismo”. Segundo outros moradores, as mulheres estão com o rosto tampado, pois estão pagando uma promessa. “Conversei com elas, e elas me disseram que estão pagando uma promessa e que só vão deixar de tampar o rosto e se vestir daquela maneira quando encontrarem o corpo do falecido Zenóbio, na verdade elas são da família do falecido” afirma G.D, 38 anos.

“Isso é macumba, só poder ser!”, afirma G.A, de 17 anos. bairro. S.G, 20, que reside no bairro desde que nasceu acrescenta: “Já vi uma moça de branco e usando véu  andando no entorno do cemitério do Bonfim. Também não entendi. E pra mim deve ser um ritual ligado ao espiritismo”

 

Anúncios